quinta-feira, 24 de agosto de 2017

[RESENHA VEST] Sonetos #3


Olá, preguiçosos!
A resenha de hoje é sobre os 19 sonetos do escritor português Luís de Camões cobrados pela Unicamp.

   São eles:


-A fermosura desta fresca serra (1668 - soneto 136)
-Ah! Minha Dinamene! Assi deixaste (1685-1668 - soneto 101)
-Alma minha gentil, que te partiste (1595 - soneto 080)
-Amor é um fogo que arde sem se ver (soneto 005)
-Busque Amor novas artes, novo engenho (l595 - soneto 003)
-Cá nesta Babilônia? donde mana (1616 - soneto 120)
-Como quando do mar tempestuoso (1598 - soneto 043)
-De vos me aparto, ó vida! Em tal mudança (1595 - soneto 057)
-Enquanto quis Fortuna que tivesse (1595 - soneto 001)
-Esta lascivo e doce passarinho (1595 - soneto 014)
-Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades (1595 - soneto 092)
-Na ribeira do Eufrates assentado (soneto 129)
-O Céu, a terra, o vento sossegado (1616 - soneto 106)
-O dia em que eu nasci, moura e pereça (1860 - v)
-O tempo acaba o ano, o mês e a hora (1668 - soneto 133)
-Pede o desejo, Dama, que vos veja (1595 - soneto 008)
-Quando de minhas mágoas a comprida (soneto 100)
-Sete anos de pastor Jacob servia (1595 - soneto 030)
-Transforma-se o amador na cousa amada (1595 - soneto 020)
-Vencido está de amor meu pensamento (1685-1668 - soneto 145)

   A principal temática desses sonetos é o amor incerto em detrimento do sentimento harmônico que desenrola diversos conflitos, beirando o irracional.
  Apesar de pertencer ao classicismo português, Camões se utiliza de elementos barrocos como as antíteses e os paradoxos.


Amor é fogo que arde sem ver,
é ferida que dói, e não se sente,
é um contentamento descontente,
é dor que desatina sem doer.
(005)


  Outra característica importante é a estrutura dos sonetos, que seguem um padrão fixo de 4 versos compostos por 2 quadras (verso de 4 linhas) seguidos de 2 tercetos (verso de 3 linhas).


O tempo cobre o chão de verde manto,
que já coberto foi de neve fria,
e, enfim, converte em choro o doce canto.
(092)


  Bom, acabei me surpreendendo com a leitura. Os sonetos são singelos, do tipo que você deita em uma rede e lê sem preocupações, quando você vê, já acabou. Mesmo não curtindo o gênero lírico, acabei gostando muito. 
  Gente, a semana Unicamp acabou :'( espero que tenham gostado do especial. Beijos!


DICA: Não deixe de pesquisar o contexto histórico da obra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário